sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Gente de Expressão

Vicente de Paulo Clemente 
Nasceu em Juiz de Fora-MG, em 21/11/1945, filho de Valentim Clemente e Antonia Rodrigues Clemente, casado com Maria das Graças, duas filhas, quatro netos, formado em Contabilidade pelo "Machado Sobrinho" e em Direito pela "Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais Vianna Junior".

Escritor, Vicente de Paulo Clemente publicou as seguintes obras:
- "O Bairro Borboleta e a Igreja de São Vicente de Paulo, suas origens e sua história" 

- Editora Concorde - 1990
Dados e histórico levantados para obter recursos na Alemanha, para as obras da nova Igreja de São Vicente, no bairro Borboleta.
1.000 exemplares, sendo que numa noite da tradiocional Festa Alemã realizada no bairro Borboleta, foram vendidos e autografados cerca de 400 livros.

- "Adria, cidade dos sonhos" 

- Editora Editar - 2005
Com apresentação, dentre outros, do saudoso Dr. Itamar Franco, então Embaixador do Brasil na Itália.
Conta a saga de uma família italiana, Casellato, que imigrou para o Brasil em 1895, sua contribuição para o progresso de Juiz de Fora e o retorno de uma descendente, Maria das Graças, co-autora do livro, em 1999, depois de 104 anos. Relata com emoção impar, a passagem pelas terras de Dante, até as ruas de ADRIA no Veneto italiano.

- "Os Alemães e a Borboleta" 

- Editora Editar - 2008
Uma série de crônicas onde o autor passeia pela história do Bairro Borboleta, no seu cotidiano e tempos idos e o retorno à terra de seus ancestrais alemães, imigrantes que em 1858 deixaram sua pátria, contratados pelo Império Brasileiro, por intermédio da Companhia União e Indústria, para a Colônia D. Pedro II (Bairro São Pedro, Borboleta e Fábrica (atuais) e mão de obra para a construção da Estrada União e Indústria que ligaria Juiz de Fora até o Rio de Janeiro.
O livro relata as peripécias do autor e sua esposa pelas terras de Goethe, onde em cada região relembra a família Clemens, especialmente o Porto de Hamburgo, de onde partiram os imigrantes, em veleiros de três mastros.

O autor é colaborador com seus artigos e crônicas, na imprensa local e ainda em concursos da Academia Juizforana de Letras, cujo atual presidente, Kleber Halfeld, prefacia a obra, com rara percepção e espírito crítico.
Nota: Todas as edições encontram-se esgotadas.

Um comentário:

Débora Caselato disse...

Carlos, será que há a possibilidade de ter contato com este autor Vicente de Paulo Clemente? Sou de origem Casellato, e estou em busca de conseguir minha cidadania. Agora estou super curiosa pra ler este livro que conta a história da minha família, que jóia!