sábado, 28 de maio de 2011

Liga dos Campeões

Barcelona 3 x 1 Manchester
O futebol arte foi premiado neste sábado, no mítico Wembley, em Londres. Comandado por Lionel Messi, que marcou o segundo gol e fez a jogada que originou o terceiro, o Barcelona veceu o Manchester United por 3 a 1 e conquistou o quarto título da Liga dos Campeões.

Estádio: Wembley, em Londres (Inglaterra)
Barcelona: Valdes, Daniel Alves (Puyol), Mascherano, Piqué e Abidal; Busquets, Xavi e Iniesta; Pedro (Affelay), Lionel Messi e David Villa (Keita).Técnico: Pep Guardiola.
Manchester: Van der Sar, Fábio (Nani), Ferdinand, Vidic e Evra; Carrick (Scholes), Giggs, Park e Valencia; Chicharito e Rooney. Técnico: Alex Ferguson
Gols: Pedro, aos 26 minutos, Rooney, aos 34 minutos do primeiro tempo; Lionel Messi, aos oito minutos, David Villa, aos 23 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Daniel Alves e Valdes (Barcelona); Carrick (Manchester United)
Árbitro: Viktor Kassai (HUN), Auxiliares: Gabor Eros (HUN) e György Ring (HUN).
Público pagante: 87.695

Curiosidade:
Seis homens conquistaram a Liga dos Campeões como técnico, depois de tê-la conquistado como jogador. Aconteceu com Miguel Muñoz, do Real Madrid, Giovanni Trapattoni, zagueiro do Milan, técnico da Juventus, Carlo Ancelotti, pelo Milan, Frank Rijkaard, volante do Milan, técnico do Barcelona, Johan Cruyff e Guardiola.

Dos seis, Cruyff Guardiola são os únicos a fazer as duas coisas no mesmo lugar. Cruyff em 1971, foi campeão da Copa dos Campeões da Europa pelo Ajax, numa decisão contra o Panathinaikos, em Wembley. Depois de conquistar mais dois troféus, em 1972 em Roterdã, em 1973 em Belgrado, Cruyff ganhou com treinador do Barcelona em 1992, numa decisão contra a Sampdoria, em Wembley.

Guardiola fazia parte daquela campanha, sua única de campeão da Liga dos Campeões como jogador. Como técnico, Guardiola venceu em Roma, final contra o Manchester United, em 1990. Onze anos depois, Pep Guardiola volta a ser campeão contra o mesmo Manchester United, conquistando seu terceiro caneco, o segundo como técnico, no mesmo lugar onde ganhou como jogador. Com a conquista, Pep Guardiola chegou ao seu décimo título na carreira.

Nenhum comentário: