quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Notável personalidade

 Clodesmidt Riani nasceu em Rio Casca-MG, em 15 de outubro de 1920. 

Família
Filho de Orlando Riani, operário e sindicalista e Maria Riani, mudou-se para Juiz de Fora com seis anos de idade. Casou-se com Norma Geralda Riani, em 04 de setembro de 1941, em Juiz de Fora, com quem teve 10 filhos:
Augustsmidt Riani* (1942/2019), Isair Riani do Carmo, Flodesmidt Riani, Augustemira Riani, Joselina Riani, Olmi, Suelir Riani,  Solange Riani, Orlandsmidt Riani*, Clodesmidt Riani Filho e Rubensmidt Ramos Riani.
*Augustsmidt Riani (1942/2019), advogado e político, foi vice e prefeito de Ubá.
*Orlandsmidt Riani, advogado e político, foi vice presidente do Tupi na gestão de Walter Corrêa de Souza, o Canário.

Eletricitário
Iniciou carreira como aprendiz de eletricista na Companhia Mineira de Eletricidade (CME) em 1936, aposentando-se, em 1983, como chefe de Divisão de Redes da Companhia Energética de Minas Gerais (CEMIG).

Formação
Formou-se em Direito (advogado) em 1984, aos 64 anos de vida.

Vida política
Amigo de João Goulart (1919/1976), foi sindicalista e político, eleito deputado por Minas Gerais em quatro mandatos (1955/1964), foi cassado pelo golpe militar de 1964, tendo sido preso e levado para a Penitenciária Frei Caneca, no estado do Rio de Janeiro, de 05/04/64 a 05/03/71. Após a anistia voltou a vida sindical e se elegeu novamente deputado estadual por Minas Gerais em 1982. Alguns anos depois do período de cárcere, a Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) reabilitou seus direitos políticos. No exercício do mandato de deputado estadual, atuou na liberação de verbas para a construção da Rodoviária Miguel Mansur e foi membro da Organização Internacional do Trabalho (OIT), em Genebra, na Suíça.

Verbas federais
- No governo João Goulart, viabilizou verbas para construção da avenida Brasil, para o início das obras da barragem de chapéu D'uvas, construção da avenida Independência (hoje avenida presidente Itamar Franco) e instalação da agência do INSS, onde hoje funciona o PAM Marechal. 
- Junto ao governo Jânio Quadros conseguiu todos os equipamentos e nomeação dos servidores para a implantação da UFJF.  

Verbas estaduais
Conseguiu junto ao governo estadual a doação da área para construção do prédio administrativo da Prefeitura (onde hoje está localizado o edifício Adhemar Rezende de Andrade – prédio da CESAMA). Junto ao governador Tancredo Neves conseguiu transferir para o estado a expressiva dívida da prefeitura junto à Siderúrgica Mendes Júnior quando da sua implantação, bem como a doação para a prefeitura da parte da área pertencente ao estado onde hoje funciona o Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (antiga fábrica de tecidos). Asfaltamento das estradas Grama/Chácara, BR 040/Rio Preto e Bicas/Mar de Espanha. Implantação do segundo grau (antigo ginasial) de ensino já que à época só existiam escolas privadas. Implantação do Colégio Estadual Sebastião Patrus de Sousa, implantação do CTU (Curso Técnico Universitário) em Juiz de Fora. Implantação do bairro JK (junto ao governador Juscelino Kubitschek). Instalação da Policlínica de Benfica (governo Tancredo Neves). 

Memorial
Uma de suas filhas, Augustemira Riani,  inaugurou em 2001 o "Centro de Memória Clodesmidt Riani", na rua marechal Deodoro, centro de Juiz de Fora.

Biografia
Os escritores Nilo de Araújo Campos e Hilda Rezende Paula e organizaram a obra " Clodesmidt Riani - Trajetória".

Atualmente, Clodesmidt Riani divide o tempo entre sua residência na rua marechal Deodoro, centro de Juiz de Fora e sua granja, no bairro Filgueiras, região nordeste da cidade.

Nenhum comentário: